cee-logo-faixa-920x90-alpha

Module BT Camera Slider - ID 132 : There is no image!

WWM Banner Slideshow

PRESIDENTE DO CONSELHO ESTADUAL DE EDUCAÇÃO PARTICIPA DE LIVE SOBRE RECOMENDAÇÕES ÀS REDES E SISTEMAS DE ENSINO EM TEMPO DE PANDEMIA

Tamanho da fonte:

presidente-live

O Presidente do CEE/TO, Professor Robson Vila Nova Lopes, participou do debate online, promovido pela União Nacional dos Dirigentes Municipais de Educação do Tocantins – UNDIME/TO, com o objetivo de esclarecer questões importantes sobre as normas educacionais às redes e Sistemas de Ensino para oferta do regime especial de atividades educacionais não presenciais, em caráter excepcional, em detrimento da Pandemia do Novo Coronavírus.

A Live foi coordenada pela Professora Maria Solange, Secretária Executiva da Undime-TO e contou, também, com os palestrantes Ruth Soares, Presidente do Conselho Municipal de Educação de Palmas e o Assessor de Gabinete da Secretaria Municipal de Educação de Cuiabá (MT), Geraldo Grossi Junior, ex-diretor de cooperação e planos de educação da Secretaria de Articulação com os Sistemas de Ensino (Sase) do MEC.

O evento teve uma participação expressiva de dirigentes e conselheiros municipais de educação, como também de professores, técnicos e gestores escolares das redes estadual e municipais de educação do Estado do Tocantins, além da participação de educadores de outros estados da federação. Na ocasião, foram apresentados os principais destaques da legislação educacional que referenciam a autonomia dos sistemas de ensino, das redes e das instituições, para a elaboração do planejamento pedagógico e da reorganização do calendário escolar para o período de enfrentamento à pandemia, causada pelo Novo Coronavírus.

O Presidente do CEE/TO destacou a importância desse debate para redes e Sistemas de Ensino, reiterando que o regime de colaboração pode e deve ser o principal caminho para fortalecer redes e sistemas de ensino no Tocantins. Ressaltou ainda, o trabalho do Conselho Estadual de Educação frente às demandas decorrentes da pandemia e o seu papel normatizador, esclarecendo que nos últimos meses o Colegiado tem se desdobrado na elaboração e emissão de dispositivos legais, coerentes e simétricos com a legislação nacional, com a finalidade de assegurar a continuidade da educação diante da excepcionalidade, advinda da COVID-19.

Reiterou a importância do debate com as entidades e representações educacionais, acerca das formas e estratégias para enfrentar a crise pandêmica, sem com isso, prejudicar os estudantes em seu processo de aprendizagem, porém, cumprindo as normas e respeitando a autonomia em todas as instâncias educacionais.

Para o Presidente, “este momento pandêmico trouxe para os Sistemas de Ensino vários desafios, que não só necessitam de um olhar com base nas realidades das instituições, como também permitiu ampliar nosso olhar paras as diversas possibilidades de aprender e fazer educação”.

No âmbito do CEE/TO, as normas para a regulação da reorganização do calendário escolar/2020 e da oferta do regime especial, em detrimento da Pandemia causada pela Covid-19 encontram-se expressas nas Resoluções nºs 105 e 154, ambas de 2020. Tais dispositivos contemplam todas as recomendações para a validação do ensino e da aprendizagem, na perspectivada da equidade e da participação democrática.

Para rever esta live Clique Aqui

Comentários (0)

500 caracteres restantes

Cancel or